26 março, 2010


O almoço é de pastel e coca
O arroto tira o gosto
O cigarro completa
o tanque
E a barata kafkiana passeia
por trás
Do garçom mal encarado

6 comentários:

Marta F. disse...

Mermão, também ando sem muita coisa pra atiçar o imaginário artístico, foda essa vidinha de ralação e poucas conquistas, pelo menos conforto merecemos todos...e todas (pra lembrar que estamos divididos em gêneros cada vez mais)

Mas dá pra compor...valendo, poeta.

Mariana Tatos disse...

rsrs..mto bom
gostei daqui

escolacarmensilva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ricardo Thadeu disse...

só mesmo sendo uma barata
p/ aguentar a radioatividade (pastel + coca)
até kafka chama o garçom...


hasta luego, lupa!

Adriana Garcia disse...

Gostei desse espaço!
Vou retornar mais vezes.

lupeu lacerda disse...

meninos e meninas,
apareçam sempre.
o séquiço é nosso