24 julho, 2008


Ela jura. Gosta de jurar. Quero estar perto não estando. Aparecer enquanto estou escondido. Ela jura que não é bem assim. Que a compreensão é turva. Quero não entender. Cortar o verso da fala. Monossilabicamente dizer sim e não na mesma frase. O ser que imagino metade é isso. Ela diz que tudo tem mais de um ângulo. Que o filme é bom no final. Ela jura. Ela cantarola uma canção. Jura que sua avó cantava isso perto de sua cama. Duvido dela. Da existência dessa avó. Ninguém sabe cantar. Eu não sei. Ela jura que meus erros são iguais. Eu, que não sei rir. Rio. Detesto repetir. Eu quero cometer erros novos. Abrindo as cartas sei: Tereza morreu. Chico caiu da moto. A polícia civil me deu um flagrante brabo. A vela da noite anterior queimou inteira. Ela jura que conserta tudo. Fecho a porta. Ficou tudo branco e preto.

2 comentários:

Dihelson Mendonça disse...

Diga lá, LUPEU !

Quero pedir ao amigo por gentileza que você ajude a divulgar a nossa RÁDIO CHAPADA DO ARARIPE ( Antiga Radioarte ) no seu Blog, colocando o player da nossa estação, que já transmite há 3 anos música de qualidade, além de notícias, entrevistas, reportagens que faremos com os artistas caririenses, etc...

Faremos boletins sobre os Blogs do cariri de forma periódica a começar em breve, além de entrevistas que interessam à comunidade caririense. De 4 em 4 horas estamos transmitindo as notícias colhidas dos sites amigos. Os horários são 09:00 12:00 16:00 20:00 00:00

A cada meia hora, 09:30, 10:30 etc, programas com os artistas da região do cariri.

Posso te enviar o código fonte em HTML por e-mail.

Ou pega lá no site da Rede Blogs do cariri. Aliás, fica meu convite para você entrar para a nossa rede, que já conta com uns 30 sites do cariri e forma um Anel de fácil acesso ao usuário e ajuda a divulgar os sites membros:

www.blogsdocariri.com

Um grande abraço,

Dihelson Mendonça

Ricardo Thadeu disse...

Juro que não entendi.
"Quero não entender."

¡Adiós!